Pesquisar este blog

Tradutor

sexta-feira, 20 de maio de 2022

Os 5 ambientes de casa que mais acumulam energia negativa.

Descubra quais são os ambientes de sua casa que mais precisam de atenção e redobre os cuidados para manter a energia negativa o mais longe possível!


Em algum momento, todas as casas as ficam sujas, seja pela falta de tempo para organizá-las ou pelo volume de pessoas que vivem dentro delas, e isso não necessariamente significa que os moradores são descuidados ou gostam de viver na sujeira, é apenas uma circunstância da vida.


No entanto, precisamos nos esforçar para cuidar de nosso lar e mantê-lo o menos bagunçado e sujo possível, porque isso atrai muitas energias negativas, e pode acabar afetando a nossa qualidade de vida e o relacionamento com a nossa família.

Abaixo listamos os cinco ambientes onde as energias negativas mais se acumulam dentro de casa. Preste muita atenção a eles e faça o possível para que sempre estejam arrumados, pelo seu bem!


1. Corredor

O corredor é o lugar por onde todos transitam, e algumas vezes pode ficar lotado de sapatos, roupas, móveis antigos, brinquedos, entre outros. Muita energia acumula-se nesse local e, se não for cuidado corretamente, pode afetar a todos, tornando a convivência muito difícil. Deixe o seu corredor sempre limpo e organizado, não o encha de móveis, apenas uma planta já é o suficiente para torná-lo agradável e feliz.


2. Banheiro

O banheiro reflete o nosso cuidado com a casa e, se ele estiver sujo, isso indica que toda a casa está com sérios problemas de organização e exposta a diversos tipos de energia negativa. A higiene é muito importante nesse ambiente e, se não estiver presente, não demora muito até que as consequências energéticas cheguem até nós.


3. Cozinha

A cozinha é o coração da casa. Se ela estiver cheia de lixo, latas e garrafas vazias, e louças sujas, virará local ideal para as energias negativas se instalarem e criarem uma onda de estagnação e falta de prosperidade. Mantenha sua cozinha sempre limpa e bem cuidada para que possa lhe trazer benefícios, e não prejuízos.


4. Sala 

Este é o ambiente comum da casa, onde recebemos as nossas visitas que nem sempre têm as melhores intenções em seu coração. Por esse motivo, é sempre muito importante que a mantenhamos limpa física e energeticamente, com incensos e plantas, para que nos afastem de sentimentos maldosos e alimentem nossas relações com boas energias e sentimentos.


5. Quarto

Esse é o nosso ambiente pessoal, muito ligado ao nosso sentimento de felicidade. A bagunça no quarto desregula as energias e atrai coisas ruins para as nossas vidas. Ele deve estar sempre limpo e organizado, e tudo o que não pertencer a ele precisa ser eliminado. O quarto deve inspirar pensamentos positivos, paz e amor.

Agora que você descobriu quais são esses ambientes, cuide deles com carinho e dedicação, para que sua casa seja um lar de energias positivas.


Via: O Segredo

Imagem: Pinterest 

domingo, 1 de maio de 2022

Sinta mais, pense menos…



Mude sua inclinação da mente para o coração.
Pense menos, sinta mais.
Intelectualize menos, intua mais.
Pensar é um processo enganoso,
ele faz você sentir que está
realizando grandes coisas.
Mas você está fazendo apenas
castelos no ar.
Pensamentos são castelos no ar.

Sentimentos são mais materiais,
mais substanciais.
Eles transformam você.
Pensar no amor não ajudará,
Mas sentir amor, transformará você.
O pensamento é muito amado pelo ego,
porque o ego se alimenta de ficções.
O ego não pode digerir nenhuma realidade,
E o pensamento é um processo fictício.
É um tipo de sonho,
um sofisticado sonhar.

Mude da mente para o coração,
do pensar para o sentir,
da lógica para o amor.

Osho

segunda-feira, 25 de abril de 2022

Conexões não podem ser forçadas



Não se pode forçar uma conexão com alguém, pois conexões partem da Alma, da energia, é algo natural e que vai além do mundo físico. 

Não temos o direito de exigir que as pessoas permaneçam em nossas vidas, sejam elas amigos ou amores. Muito menos de interferir no livre arbítrio delas, seja através da lei da atração ou qualquer outra forma energética.

O outro tem todo o direito de não querer estar com você, assim como você tem o direito de não querer estar com determinada pessoa. E está tudo certo.

Quando sentir que precisa fazer muito esforço para que alguém permaneça em sua vida, lembre-se que conexões não podem ser forçadas. Não gaste sua energia tentando fazer com que gostem de você, se relacionem com você, que te amem... A melhor forma de nos conectarmos com alguém é sendo verdadeiramente o que somos, nos amando e nos conhecendo profundamente.

Essa é a única forma de atrair conexões profundas e naturais, já que no Universo tudo é energia. Do contrário, sempre iremos atrair relacionamentos compatíveis com nossos sentimentos de rejeição, baixa autoestima e insegurança. 

Texto de Aline Prado 

sexta-feira, 8 de abril de 2022

Liberte-se da prisão de ser perfeita…



“Liberte-se da prisão de ser perfeita, de ser boazinha. Deixe as pessoas verem o imperfeito, o real, o falho, a pessoa estranha, bonita e mágica que você é. Se alguém te colocar em um pedestal, desça. Todo pedestal é uma prisão. Não cabe a você suprir as expectativas de ninguém. Isso é cansativo e consome muita energia. Não vale a pena o esforço. Permita-se ser mal vista, mal falada, mal avaliada! Permita que se enganem a seu respeito, que dêem risadinhas pelas costas! Permita que julguem, que cochichem, que acreditem saber quem você é! Permita que te "olhem torto", que se afastem, que te excluam, que te rejeitem, que te cancelem! Deixe sua reputação cair por terra, enfrente seu maior pesadelo! E veja que SIM, isso acaba em morte! Morte desta que era escrava "dos outros". E então viva, viva livre e sem medo. Porque o "outro" não tem mais poder sobre você. Você não precisa ser perfeito. Honre a sua humanidade, honre suas imperfeições. Hoje eu me despeço das idealizações que as pessoas que eu amo projetaram em mim. Pouco a pouco eu deixo cair a máscara da mulher boazinha, perfeita, que está sempre pronta, agrada todo mundo e não comete erros. Essa que em vários momentos se anulou para cumprir as expectativas alheias, por medo de perder o amor e admiração delas. Percebi que não ser capaz de frustrar os outros faz a gente desrespeitar os nossos limites e ser escravo das expectativas deles. Você precisa deixar que os outros se decepcionem com você. Faz um favor para você? Se dê a chance de ser livre e frustrar as expectativas que colocam em cima de você. Hoje eu me permito decepcionar os outros, honrando as minhas necessidades. Eu me dou o direto de dizer NÃO quando eu não estiver a fim de fazer alguma coisa. Decidi abraçar meus limites e minhas imperfeições. Decidi ser real. Pessoas reais são lindas. É tão libertador quando a gente abre mão de ser aceito. Ser aceito é do ego, ser autêntico é da alma." 



Via Espiritualidade,amor e fé

terça-feira, 5 de abril de 2022

Seu filho, seu espelho…


 Filhos "Oasis" e Filhos "Mestres".

O filho com quem você tem mais problemas é aquele que mais se parece com você.
Em toda família composta por dois ou mais filhos, há sempre um filho que chamo de "Oásis" e um filho que chamamos de "Mestre".

O oásis é aquele filho ou filha que quase se autoforma e se educa, às vezes parece que já nasceu formado e educado.  É tão fácil ser pai daquele filho, ele é responsável, não causa problemas e a relação com ele flui com facilidade.

O filho "Mestre", por outro lado, nos vira de cabeça para baixo, é ele que nos faz amadurecer, aprender e crescer, aquele que nos faz ler livros, fazer terapias, cursos, palestras e conferências para encontrar um caminho "TRATAR" com Ele nos faz voltar nossos olhos para o céu em busca de ajuda e assim nos aproxima de nossa parte espiritual. 

Aproxima-nos de um Ser Superior, que cada um nomeia ou concebe à sua maneira.
É difícil ser pai desses filhos “Mestres”, às vezes pensamos que eles estão errados, que há algo de errado com eles, mas acredite, não é assim.  Acredito profundamente que nossas almas — a dos pais e a dos filhos — se atraíram mutuamente para crescerem juntas;  Em outras palavras, nós escolhemos nossos filhos e eles nos escolheram.  Se lhe parece loucura, reveja cuidadosamente o que aquele filho "Mestre" o "FORÇA" a APRENDER e BUSCAR;  pesquisas sempre levam a algo bom.  Com crianças difíceis temos a melhor oportunidade de aprender, entre muitas outras coisas, o amor incondicional.

Não quer dizer que as outras crianças não nos ajudem a aprender e crescer, elas o fazem de uma forma diferente, por outros caminhos;  nem significa necessariamente que a criança "Oasis" será a mais saudável, bem-sucedida e feliz, e que a criança "Mestre" será a doente, malsucedida e desajustada;  Você pode se surpreender ao saber que a criança difícil é muitas vezes a mais saudável da família.

São muitos os fatores que devemos levar em conta para fazer um prognóstico sobre saúde e doença, ou sucesso e fracasso na vida, teríamos até que primeiro definir o que estamos chamando de sucesso, fracasso, saúde e doença.

Estou convencido de que o amor pode quebrar padrões de relacionamento disfuncionais que se arrastam de geração em geração, justificando as gerações anteriores e liberando as seguintes de continuarem a arrastar esses padrões.

Estou convencido de que "AMOR" é a resposta para os problemas do mundo e que não importa o comportamento que a sociedade dite, sua casa é seu santuário e a de seus filhos e só você pode decidir o que quer crescer nela.✨

Via @despertarodivino
Imagem: 

terça-feira, 29 de março de 2022

Autocontrole e a Polêmica do Oscar



Dois casos delicados da natureza humana: de um lado, o humor mórbido, que faz graça (sem graça nenhuma!) com a dor humana, com a exposição do outro ao ridículo e ao desconforto. Imoral e grave, por ter tido tempo entre o planejamento e a execução, tempo suficiente para que as consequências pudessem ser avaliadas. No "melhor" dos resultados sonhados pelo "humorista", todos, o marido, o auditório presente e o público virtual ririam da situação constrangedora da vítima. Vejam bem: esse horrível painel é o "melhor" que ele poderia esperar. E a equipe do Oscar seleciona este tipo de profissional para conduzir uma cerimônia deste nível de importância mundial.

De outro lado, temos a impulsividade de Will Smith. Somos obrigados, simultaneamente, a entender a sua dor e a condenar sua atitude, pois todos já sentimos na pele as consequências da perda do autocontrole nas nossas vidas.
Sabemos o quanto dói, constrange e humilha. Se um cão late para nós, não devemos latir para ele de volta; não somos cães. 

Perder o controle é responder às circunstâncias de forma irracional, sem senso ou critério humano, o que fere nossa dignidade e nos expõe.


A questão é que a maioria de nós tem seu "ponto de corte", ou seja, o limite do que seríamos capazes de suportar, o que varia muito, de pessoa para pessoa. 

Ampliar esse limite, não deixar que as circunstâncias nos roubem a nós mesmos, tudo isso é resultado de treino diário, de fortalecimento de caráter que devemos construir dia a dia, ao longo da vida. 


Quando um companheiro humano de jornada comete este erro, deveríamos ter ao mesmo tempo compaixão em relação a ele e mais atenção em relação a nós mesmos. Que o fato seja um fator de amadurecimento para todos, pois, ao invés de criticarmos ou aprovarmos, podemos olhar para a experiência do outro com o olhar de aprendizes.

Logo, como síntese, eu proponho duas perguntas, e espero que as responda silenciosamente, apenas para si próprio, mas que reflita sobre as respostas sob o ponto de vista da dignidade humana: 

Eu já ri da dor alheia? 
Eu já perdi o controle diante de provocações? 

Assim, ao invés de julgarmos o outro, crescemos graças ao outro.

Texto de Lúcia Helena Galvão

quinta-feira, 24 de março de 2022

Ouvi Falar…


Estava saindo para ir ao teatro quando entrou um whatsapp da minha filha que mora na França. “Mãe, está circulando nas redes um vídeo com imagens de Paris sendo bombardeada. Bem realista, mas fake, não te estressa”. Assisti ao vídeo, uma obra-prima da montagem. No final, revelava ser uma peça de propaganda pró-Ucrânia, mas, antes de chegar aos créditos, quem tivesse filhos morando em Paris já teria enfartado. 

Ainda sobre a guerra, há quem tenha acusado a modelo ucraniana Mariana Podgurskaya, grávida, de posar sobre uma maca, fingindo ter sido atingida pelo bombardeio russo em uma maternidade (prédio que teria sido convertido em uma base militar). E há quem diga que não houve encenação nenhuma, que ela se feriu realmente, mas está tudo bem, deu à luz uma garotinha saudável dias atrás.  

São dois exemplos bobos se comparados aos estragos gigantescos que a desinformação provoca. É ela que nos governa nesses tempos em que tuítes funcionam como mísseis virtuais, alcançando qualquer ponto do planeta. Nunca foi tão fácil viralizar uma mentira, nem tão rápido, nem tão devastador. 

De filtros fotográficos que alteram a aparência, até a indústria internacional das Fake News, ressignificamos McLuhan: o meio é a mensagem, porém desvinculada da verdade, descomprometida com a realidade, vadia e livre para destruir reputações, eleger canalhas e enganar os trouxas. 

Quem ganha com isso? Os criminosos organizados e ocultos que automatizam o boato a fim de manipular a opinião pública. Antes que sejam punidos, eles já se valeram da ingenuidade de uns, da ignorância de outros e da preguiça da maioria: quem tem disposição para checar uma notícia, buscar outras fontes, conversar com pessoas que dominam melhor o assunto? É tarefa que consome um tempo que não está sobrando pra ninguém, e assim o comodismo se torna um aliado do mal. 

Acreditar em tudo ou acreditar em nada nos desorienta da mesma maneira.     

  Ao eliminarmos a fronteira entre verdade e mentira, liberamos o tráfego para o desvario. Textos circulam com autoria trocada, notícias de sete anos atrás são veiculadas como se fossem atuais, bizarrices ganham status de fato importante e edita-se qualquer declaração, bastando, para isso, um celular. 

Continuamos brincando de telefone sem fio, quando sussurrávamos no ouvido do coleguinha: “Vou almoçar na casa do Alberto porque é dia de lasanha”, para descobrirmos, às gargalhadas, que a frase original havia se transformado em “A moça tem um casamento aberto com sua tia baranga”. 

 Hoje vale o que foi mal compreendido e quem não aprova casamento aberto ou se ofende com a palavra baranga abraça uma causa que não existe e assim justifica seu voto. 

Desvario é pouco…

Texto de Martha Medeiros 

———————————————

Esses dias meu pai me mandou um vídeo pelo WhatsApp que era a lua quase encostando na terra! Era uma montagem grosseira,  bonita , mas grosseira. Vinha acompanhado de um texto tentando justificar aquele “Fenômeno” da natureza!  :)  Era uma mensagem encaminhada com frequência, ou seja…muitas pessoas acreditaram naquelas imagens, inclusive meu amado pai, ainda pouco familiarizado com a internet. 
Gente! Precisamos falar sobre isso!  Ainda mais em ano eleitoral. Nos próximos meses seremos bombardeados com mentiras e mensagens distorcidas. E precisamos partir do princípio que é preciso desconfiar de tudo! 
Pelo amor de Deus, pesquise a veracidade antes de passar a diante. Não passe vergonha nos grupos de WhatsApp compartilhando fake News, só porque você gostaria que aquilo fosse verdade. Vamos ser um pouco mais responsáveis com a informação que chega em nossas mãos e decidimos passar a diante. Se tem dúvida, não repasse. 
Falamos tanto de paz, desejamos tanto a paz…mas fazemos guerra o tempo inteiro pelos nossos celulares! Como diz Martha Medeiros… mensagens falsas funcionam como mísseis virtuais! 
Seja mais responsável e cuidadoso. 
Na dúvida, opte pela paz. 

Sheila Costa 

quinta-feira, 17 de março de 2022

3 frases simples que desarmam pessoas más rapidamente


Mesmo mantendo distância de pessoas maldosas é inevitável conviver com algumas delas no trabalho, na família ou vizinhança. E sabendo que volta e meia você irá encontrar estas pessoas, é inteligente manter uma estratégia de defesa

Agir com agressividade pode ser tentador mas nem sempre é a melhor arma para se defender dos maldosos: aos ouvidos dos outros eles distorcem as situações e posam de pobres coitados,  fazendo suas vítimas parecerem as pessoas más da história. É preciso atenção para não se expor desnecessariamente.

Separamos 3 frases que funcionam muito bem nessas horas:

1) Não entendi bem, me explica melhor o que você está pedindo.

Pessoas más podem se aproximar de você para conseguir favores a primeira vista inocentes, mas que em um segundo momento se transformam em uma grande dor de cabeça.

Então, como os maldosos conseguem colocar outras pessoas em verdadeiras roubadas?

Uma das técnicas utilizadas é pedir o favor quase como se fosse uma obrigação. Pressionam a “vítima” para criar nela um senso de urgência e, como resposta a esta sensação, surge um impulso de fazer o que esta sendo pedido rapidamente.

Além disso, pedem coisas absurdas de forma obscura, sem explicar direito os riscos e dificuldades implícitos.

Esta frase simples atende os 2 casos:

  1. Obriga o maldoso a explicar direito o que esta sendo pedido , deixando claro que você não irá fazer algo sem entender.
  2. Também relembra educadamente que se trata de um pedido, um favor: você não tem obrigação de fazer nada, fará se quiser e puder.

2) Fique em silêncio por um período olhando nos olhos da pessoa e depois diga “é mesmo?”

Outra característica das pessoas más é o gosto por tentar humilhar e menosprezar os outros: volta e meia elas largam comentários maldosos para diminuir quem os está ouvindo. E entrar em uma discussão por ofensas fúteis é complicado, além da perda de tempo demonstra uma fragilidade no ego de quem escuta.

A omissão também não é uma boa opção pois acaba te coloca na posição de submissão.

Quando você estiver lidando com alguém de más intenções é importante transmitir segurança, ocultando qualquer demonstração de medo. Basta lembrar: você já viu as encaradas dos lutadores no UFC? Além das caretas, olhar nos olhos demonstra autoconfiança e ausência de medo.

Encarar por alguns segundos, de forma séria e serena, demonstrará segurança e reprovação, dando um tempo para a pessoa se arrepender do que falou. Esta atitude também diz que você está confortável e no controle da situação.

Concluir esta pausa com um “é mesmo” dito sem emoção transmite total indiferença as ofensas proferidas. Ou seja, o maldoso não conseguiu o que queria: te provocar ou ofender.

3) Nossa, impressionante como você sabe levantar a auto estima de uma pessoa

Quando uma pessoa má decidir te fazer a piada em uma roda de amigos controle a raiva: quanto mais irritado você ficar, maior é o domínio desta pessoa sobre você.

Mude o foco da conversa, deixe o maldoso dizer todas as bobagens que quiser ao seu respeito e fale esta frase com uma pitada de ironia. Ela transmite aos demais que você não deu a mínima importância ao que foi dito, trazendo uma sensação de inverdade. Afinal, se as ofensas não machucaram o seu ego é porque provavelmente são falsas.

Esta atitude também chama a atenção das pessoas que estão na volta para a real intenção da pessoa maldosa, que é te detonar. Isso fará com que as ofensas percam a força perante os demais.

Atenção: cuidado para não rotular como pessoa má alguém que apenas não compartilhe das suas visões ou tem uma personalidade difícil. Pessoas más prejudicam os outros sem o menor remorso, bem diferente dos antipáticos ou brigões.

Via: Refletir para Refletir

segunda-feira, 14 de março de 2022

Sempre precisamos uns dos outros…



Seu nascimento foi através de outros. Seus primeiros banhos foram dados por outros. Seu nome foi dado por outros. Você foi educado por outros. 

A sua renda, ainda que indiretamente, vem por meio de outros. Se você quer se divertir, ou faz uma viagem, vai a um show, cinema, teatro, restaurante, estádio, são os outros que te servirão. 

Quando você adoece é cuidado por outros. O respeito a si é dado por outros. Seu último banho será dado por outros. O seu funeral será realizado por outros. E os pertences e propriedades serão herdados por outros.

Então, questiono-me por que motivo alguns de nós deixamos o nosso ego, nosso tempo, nossa carreira, nosso dinheiro e nossas crenças nos levarem a menosprezar o valor dos OUTROS. 

Está na hora de nos tornarmos mais amorosos, mais humildes e vivermos pacificamente com os OUTROS;
porque nesta vida precisamos uns dos outros todo o tempo.

Tenhamos gratidão com o próximo! Não temos e não somos nada nessa existência, temos um corpo físico emprestado pelo Divino, somente isso.
Lembre-se…

Cada um de nós é O OUTRO DO OUTRO. 🍃

domingo, 13 de março de 2022

A escolha é sua…



"Esse momento que a humanidade está vivendo agora pode ser encarado tanto como um portal quanto como um buraco. A decisão de cair no buraco ou atravessar o portal cabe a vocês. Se ficarem apenas lamentando o problema, consumindo as notícias 24 horas por dia, com a energia baixa, nervosos o tempo todo, com pessimismo, irão cair no buraco. Mas se aproveitarem essa oportunidade para olharem para si, repensarem a vida e a morte, cuidando de si e dos outros, aí estarão atravessando o portal.

Cuidem da casa de vocês, cuidem do corpo de vocês. Se conectem ao corpo mediúnico da Casa espiritual de vocês. Quando você está cuidando de um, está cuidando de todo o resto. Não percam a dimensão espiritual dessa crise, tenham o olhar da águia, que lá de cima, vê o todo, enxerga de forma mais ampla. Existe uma demanda social nessa crise, mas existe também a demanda espiritual. As duas andam de mãos dadas. Sem a dimensão social, caímos no fanatismo. Mas sem a dimensão espiritual, caímos no pessimismo e na falta de sentido. Vcs foram preparados para atravessar essa crise.

Peguem a caixa de ferramenta de vocês e usem todas as ferramentas que vocês têm ao seu dispor.

Não se sintam culpados por estarem alegres durante esse período dificil. Vcs não ajudam em nada ficando tristes e sem energia.

Vcs ajudam se emanarem coisas boas para o Universo agora. É através da alegria que se resiste.

Além disso, quando a tempestade passar, vocês serão muito importantes na reconstrução desse novo mundo. Vcs precisam estar bem e fortes. E, para isso, não há outro jeito senão se manter uma vibração bonita, alegre e luminosa. Isso não tem nada a ver com alienação. Isso é estratégia de resistência. Que mundo vocês querem construir para vocês?

Por hora, é o que vocês podem fazer, ter serenidade na tempestade. Se acalmem e rezem. Todos os dias. Estabeleçam uma rotina de encontro com o sagrado todos os dias. Emanem coisas boas, o que vocês emanam agora é o mais importante. 
E cantem, dancem, resistam através da arte, da alegria, da fé e do amor."

Por Uelinton Rone

quinta-feira, 10 de março de 2022

Podemos olhar com bons olhos nossos inimigos…



Podemos olhar com bons olhos nossos inimigos e opositores. Por mais doloroso que seja, temos que lhes dizer, apenas internamente:

 «Obrigada pelo sinal. Não chego a entender porque fez isto comigo, mas sei que você é um mensageiro e eu sou guiado, porque justamente tocastes meu ponto mais frágil, que tanto dói. Me dei conta de qual foi a tua intenção. Te agradeço e te libero da minha ira».

 Se essa pessoa se libera da minha ira, então assumo as consequências do meu comportamento, e a outra pessoa assume as consequências do seu comportamento. Foi consumado algo que há muito tempo estava esperando este desenlace. Se não conseguimos isso, pronto chegará uma pessoa que nos proporcione um golpe ainda mais violento.

Sophie Hellinger
Imagem: Pinterest 

terça-feira, 8 de março de 2022

Só Liberdade…



Se quero ou não casar. 
Se quero ou não ter filhos. 
Se quero trabalhar fora ou trabalhar em casa. 
Se quero ser mãe de pet. 
Se quero deixar meus filhos na creche ou ficar em casa cuidando deles. 
Se quero casar de novo. 
Se quero usar roupa justa. 
Se quero ir a uma festa ou fazer uma viagem sozinha. 
Se quero usar biquíni ou se quero usar maiô. 
Se quero ser independente ou não. 
Se sou do lar, do bar ou do mar…
Só o que quero é liberdade! 
Ser livre para fazer minhas escolhas sem “ter que” nada. 
Sem ser julgada e condenada pelas escolhas que fiz, por ser mulher. 

Dia 08 de março, dia internacional da mulher! 
Parabéns mulheres! 
Por um mundo com menos cobranças e mais respeito. 

Sheila BCosta🍃